Desgastados, Wallace e William querem descanso sem vôlei antes da final

Desgastados, Wallace e William querem descanso sem vôlei antes da final
Wallace: se o jogo contra o Sesi fosse para o quarto set, seria necessário um descanso para o oposto (Foto: Divulgação/CBV)

Wallace: se o jogo contra o Sesi fosse para o quarto set, seria necessário um descanso para o oposto (Foto: Divulgação/CBV)

A princípio, até pareceu fácil: nenhum set perdido na semifinal e decisão jogada apenas daqui a duas semanas. Porém, o oposto Wallace e o levantador William encerram a série melhor de três contra o Sesi estafados e querendo apenas descanso por uns dois dias. De preferência, sem contato com o vôlei.

Destaque da vitória no segundo jogo, em São Paulo, com 16 pontos, o atacante confessou que precisaria sair um pouco da partida caso seu time não conseguisse vencer o 3º set na Vila Leopoldina:

Comandado por Wallace, Sada chega embaladíssimo a mais uma final

Giovane se resigna com eliminação; para Murilo, falta de paciência prejudicou o Sesi.

Mais notícias? Melhor do Vôlei!

- Esse terceiro set era como se fosse o quinto para mim. Minhas pernas estavam bem cansadas. Acho que, se tivesse outro set, eu iria precisar de uns cinco minutos de descanso. Isso demonstra o cansaço mental e físico que acontece durante um jogo. Tanto fisicamente quanto mentalmente, eu estou esgotado

Wallace até atribui a tal desgaste ao fato de ter sacado na rede em duas passagens nos momentos decisivos da terceira etapa, encerrada em 36 a 34. Apesar de dizer que “não serve como desculpa” para as falhas, fato é que ele, acostumado a sacar forte, não conseguiu ter concentração suficiente para colocar a bola em jogo de forma tática, exigência do técnico Marcelo Mendez naquele momento:

- Nas duas vezes que eu errei, quis só passar a bola. Talvez esse tenha sido o erro. Nosso time trabalha muito com (a filosofia) de que se o que sacou antes erra, o outro não pode errar. Acho que fui com essa cabeça para o saque, mas não tem desculpa.

Responsável por pensar as jogadas da equipe, o levantador William compartilha o mesmo pensamento e até pediu uma folguinha para o treinador argentino do Sada:

- Tem que dar uma respirada. Superliga é cansativa demais, são jogos duros, você tem que estar 100% concentrado o tempo todo. Não digo nem fisicamente, mas mentalmente, então tem que descansar um pouco. Espero que o Marcelo entenda e nos dê pelo menos dois dias para a gente descansar e curtir essa final

Marcelo entendeu e promete conceder “dois ou três dias” aos atletas. Neste período, Wallace só quer saber de desligar:

- Todo o time está esgotado. Fez o que tinha que fazer e conseguimos cumprir mais um objetivo que era chegar à final. E, pelo amor de Deus, esquece vôlei. No máximo, vou ver o jogo de hoje à noite (a vitória do Minas sobre o RJX por 3 a 0 na outra semifinal) e olhe lá (risos).